Você está aqui: Capa » COLUNISTAS » Carta do Leitor » Não prometa o que não poderá cumprir
01/08/2016

Não prometa o que não poderá cumprir

Foto: Arquivo pessoal

Foto: Arquivo pessoal

CARTO DO LEITOR | Logo estarei recebendo acenos, cumprimentos, abraços e promessas dos candidatos a próxima eleição.
Será que leram o Editorial do Jornal “O Semanário” desta última semana, dia 22, onde seu diretor Túlio Darros, muito bem aborda os graves problemas encontrados em nossa cidade, com as cinzas das queimadas da cana-de-açúcar, desrespeitando limites urbanos e a própria lei. Em dias de vento, torna-se insuportável o bagacinho, areia, ciscos, poeira proveniente da usina e em épocas de seca causando aumento de problemas respiratórios e aumento no consumo da água para lavar, porque varrer é impossível. Quanto ao transporte, as estradas ficam em péssimas condições, que muito bem poderiam ser conservadas pelos causadores e não só pela concessionária onde atua, que para isso, cobra valores absurdos em pedágios.
Gostaria imensamente que os novos políticos dessem a especial atenção para o caso, não se importando quem quer que seja os responsáveis, se “senhores do poder” ou coronelado. Tudo isso só traz prejuízo ao município e os mais vulneráveis e honestos são os que pagam corretamente seus impostos, sem ter um retorno condizente.
Tulio, é assim que se deve manifestar na imprensa, seja escrita ou audiovisual, informando e colocando a par, os leitores dos acontecimentos e com isso os poderes Executivo e Legislativo, terão por dever tomar as devidas providências.
Parabéns, não só a você, como aproveito a oportunidade pra inserir o nosso amigo e escritor deste jornal, o Tenente Denizart Fonseca, incansável em publicar em sua coluna com o título “Cidadania”. Como dizia meu Mestre: se um ou mais compreender e passar a respeitar e agir conforme os ditames, já poderei considerar minha missão cumprida.

Rafard, 26 de julho de 2016

Roberto L. Andreotti