19 99987-2900 19 3496-1747 | 3496-2771

Politicaliente

08/12/2017

Politicaliente

Túlio Darros, jornalista e publicitário, diretor-proprietário do Jornal O Semanário

EDITORIAL | Só pode ser palhaçada né? Até o Tiririca está desapontado com a Política, ou melhor, com a classe política. Agora, se ele que foi eleito e é pago para tal, imagina a decepção da população, que além de não ganhar nada, tem que pagar o pato por cada ‘cagada’ dos nobres edis. Será o fim dos tempos!?

Barraco na Saúde – Autoridades municipais e interessados no Conselho Municipal da Saúde ferraram uma discussão durante a eleição do novo conselho. O caso foi parar na Delegacia. Áudios da discussão circularam em grupos do WhatsApp durante a semana, deixando claro que, infelizmente, interesses político-partidários ainda falam mais alto e atrasam o desenvolvimento da cidade. Triste!

Fique atento – Na próxima segunda-feira, 11, a Câmara de Capivari realiza a 40ª e última sessão ordinária do ano, às 19h30, no Palácio 10 de Julho. A partir de 16 de dezembro, até 31 de janeiro de 2018, os vereadores cumprirão o recesso Legislativo. Neste período poderão ocorrer sessões extraordinárias previamente divulgadas a todos. O setor administrativo ficará em recesso do dia 22 de dezembro ao dia 1º de janeiro de 2018, retornando suas atividades normais a partir das 8h, do dia 2 de janeiro de 2018.

Despedida – Na última semana, Tiririca disse que vai deixar a vida pública com vergonha da política. Duas vezes eleito deputado federal por São Paulo, pelo PR, com mais de um milhão de votos, o artista deputado já vinha dizendo que não concorreria de novo e admitiu, que entrou para a política para alavancar a carreira, mas que trabalhou lá dentro, sem muita voz. Em discurso emocionado, ele pediu para que os políticos olhem mais para o povo, criticou a Câmara dos Deputados e disse que guardará os segredos do que viu e viveu. Imaginem quanta sujeira!

Reconhecimento – A dupla dinâmica, Andorinha e Damata, foram elogiados pelo vereador Alexandre Fontolan na última sessão da Câmara de Rafard, pelo reparo na boca de lobo no cruzamento das ruas Conselheiro Gavião Peixoto e IV Centenário. Wagner Bragalda também agradeceu pela resolução do problema.

No escuro – Fontolan participou do evento de troca de cordões dos alunos da Capoeira e cobrou a troca de lâmpadas no ginásio municipal de esportes Olavo de Campos Borghesi, que está muito escuro.

Parabenizando – A iniciativa da rádio R FM, de montar o presépio de Natal no pátio da Delegacia de Polícia de Rafard foi parabenizada pelos vereadores na última sessão. Chico Rebete, Natan e o delegado Jorge Kachan também foram lembrados.

Quem vai pagar a conta? – Segundo Alexandre Fontolan, os funcionários públicos municipais que tiveram problemas em 2011, com o reajuste salarial, na administração do então prefeito, Márcio Minamioka, já podem comemorar. O processo foi favorável aos funcionários e quem quiser saber sobre o valor, deve consultar o Sindicato dos Trabalhadores. Fontolan disse ainda que vai ter uma reunião entre a Prefeitura e o Sindicato para decidir como esses valores serão pagos.

Esqueceram de ‘nóis’ – Parece que Executivo e Legislativo estão cada vez mais distantes. Alexandre Fontolan cobrou o prefeito para que em eventos de grande importância, como a assinatura do convênio do Hospital Regional de Piracicaba, os vereadores sejam convidados para participar.


De novo – A agência do Correios de Rafard foi criticada mais uma vez. Moradores que se mudaram para os novos loteamentos da cidade não estão recebendo correspondências e até já fizeram abaixo assinado cobrando providências. A Prefeitura diz que já comunicou a agência. Já a agência, diz que não pode entregar porque as ruas estão sem placas. Fontolan, que já oficiou uma moção de aplausos quando Guilherme Campos assumiu a presidência dos Correios, prometeu fazer para a próxima sessão, uma moção de repúdio e disparou: “Ano que vem ele aparece aqui na cidade para pedir voto para deputado. Ele é muito amigo do prefeito, mas não consegue mandar nem uma moto para Rafard”.

Cultura – Na última sessão, o vereador Wagner Bragalda destacou a participação de Rafard no Revelando São Paulo, organizado pela Abaçaí Cultura e Arte. “Rafard deu o primeiro passo, deu a cara a tapa e levou seu estande de artesanato”, enalteceu. Segundo o parlamentar, muitas pessoas ficaram interessadas com os pontos turísticos da cidade, nas fotos expostas durante o evento. Um mapeamento está sendo feito pelo Comtur para analisar o que precisa ser feito para começar a receber turistas. Bragalda disse estar ciente da dificuldade em hospedagem e infraestrutura, mas acredito que foi dada uma tacada terceira rumo ao desenvolvimento turístico do município.

Abandono – Bragalda criticou o abandono do chamado Centro de Lazer dos Funcionários Públicos, na antiga cooperativa das costureiras. O prédio está abandonado e no anexo, onde era pra ser uma horta, “virou ponto de encontro, de farra e bebedeira”, disparou o vereador, que pediu providências do governo municipal e da assistência social do município.

Lixo – Outro ponto criticado pelo vereador Wagner, é a limpeza das ruas, a falta de fiscalização e a desobediência da população. “A Prefeitura não dá conta e se não disciplinar vai continuar do jeito que está”, acredita. Ele acusou o fiscal de postura do município de não fazer nada e a falta de punição. “Tem que punir e mexer no bolso do cidadão, só assim vai educar as pessoas”.

Repetitivo – Bragalda cobrou a retirada de uma rampa que tem obstruído a passagem de pedestres na calçada da rua Nossa Senhora de Lourdes, no Centro da cidade. “Vou ficar falando até resolver. Passeio público tem que ficar livre. A ‘velharada’ está reclamando!”, disse.


Amaciando – Depois das fortes críticas, Wagner Bragalda parabenizou o empenho da atual gestão em resolver a questão da entrega das casas populares e pediu fiscalização para não haver irregularidades e não ser injusto com quem realmente precisa da moradia. No aparte, o vereador Alex Sandro Santos disse que não ficou contente com o que ouviu. “É uma vergonha prometer entregar até março só 50 casas sendo que Rafard tem um déficit de mais de mil moradias. Deveriam ter lutado pra terminar logo essas casas e começar mais 100 ou 200, como fez o ex-prefeito Heitor Turolla, que entregou mais de 600 casas em uma pancada só, ou como o seu tio – Bolachinha”, lembrou.

Sem resposta – Felipe Marchioretto também não está contente com as respostas aos requerimentos enviados à Prefeitura. “As respostas que recebi mostram o tratamento do Executivo ao Legislativo”, declarou o vereador, explicando que não consegue respostas esclarecedoras. “Vou bater nessa tecla até conseguir as informações que preciso ou vou ter fortes indícios que há algo de errado, como o caso do lixo contaminado, que deu uma esfriada, mas não esqueci”, alertou.

Culpa do vereador – Marchioretto também não está contente com os boatos que ouviu. “Espero que seja mentira, estão imputando minha atuação como vereador ao fato de não conseguirem fazer algumas coisas. A ineficiência do serviço público não pode ser imputada ao papel do vereador”, criticou.

De graça – Felipe achou estranha a resposta do seu requerimento referente à destinação do lixo reciclável, recolhido pela Prefeitura. “O lixo não é vendido, é simplesmente doado a uma pessoa de Capivari”, conta o vereador, que sugeriu que o Executivo poderia explorar melhor esse potencial sustentável, angariando recursos. “É necessário ir mais a fundo”, desconfia.

Finalizando – Ainda sobre limpeza pública, Marchioretto cobrou a capinação na Praça do Almoxarifado, já que no local, existe uma academia ao ar livre, utilizada principalmente por idosos. Alex completou cobrando a troca das lâmpadas.


Tirando o chapéu – O casal Celsão e Páscoa foram homenageados através de uma moção de congratulação, oferecida pelo vereador Alex Sandros Santos e aprovada por unanimidade pelos vereadores na última sessão ordinária. Eles foram responsáveis pela organização do evento em comemoração ao Dia da Consciência Negra no município. Já o vereador Wagner, chamou a atenção da população rafardense, que precisa aprender a prestigiar os eventos da cidade. “Parabéns à Pascoa e ao Celsão. Precisamos de pessoas assim, que gostem do município e queiram ajudar. Mas quem realmente esteve em massa, foi a sociedade capivariana, Rafard foi minoria”, criticou Bragalda.

Prata da casa – O projeto do vereador Daniel Teodoro, criando o projeto Prata da Casa, também foi aprovado por unanimidade. Ele visa valorizar mais os artistas da cidade. “Tem muita gente boa em Rafard, precisamos criar um cadastro desses artistas e valorizar essas pessoas. O projeto obriga a disponibilização de oportunidade para a apresentação de grupos, bandas, cantores ou instrumentistas locais na abertura de eventos musicais que contem com financiamento público municipal.

Sem cerol – O projeto dos vereadores Fábio dos Santos e Alexandre Fontolan, que cria a semana educativa ‘Pipas sem Mortes’, foi aprovado pela maioria. Wagner Bragalda sugeriu a realização de torneios de pipas, como forma de conscientizar as crianças e adolescentes.

Sorrindo à toa – O vereador Alex Sandro Santos está com moral na cidade. Conselheiro de mandato do deputado Federal Vicentinho (PT), o vereador acompanhou o início das obras de recape na rua Maurício Allain, no Centro da cidade. A obra é proveniente de recursos no valor de R$ 250 mil conquistado junto ao deputado. “Nesse primeiro ano como vereador já conquistei vários equipamentos para a área de saúde, carros, dois micro-ônibus no valor de meio milhão de reais, campo sintético, pavimentação de toda área do antigo Cepar. Continuarei trabalhando ainda mais por Rafard nos próximos três anos”, prometeu Santos, que também acompanhou a instalação da cadeira de dentista na unidade de Saúde Bucal do município.


Representando – Alex Sandro participou, na última semana, do Seminário de Avaliação do Projeto “Gota d’Água”, realizado no Museu da Água, em Indaiatuba. “Estou muito feliz de estar representando Rafard nas reuniões do Consórcio PCJ e quero adiantar que já fiz a inscrição da nossa cidade para participar no próximo ano do Concurso ‘Ecoturismo”, conta.

De mal – Os últimos comentários do vereador Alex Santos na sessão ordinária reforçam a queda de prestígio do prefeito Uil Maia junto ao Legislativo rafardense. O parlamentar, forte aliado e defensor do atual governo municipal, teceu diversas críticas ao prefeito.

No Palácio – A prefeita Ruth e o vice Palito, acompanhados dos vereadores Palitinho, Beto Baiano, Paulo Celso dos Reis e do diretor de Saúde de Mombuca, Ivan Bianchi, estiveram no Palácio dos Bandeirantes, onde se encontraram o governador Geraldo Alckmin. A comitiva Mombucana participou de duas reuniões, uma a convite do prefeito Barjas Negri, com pauta sobre a Saúde e o novo Hospital de Piracicaba, onde foram entregue diversos ofícios com pedidos de benfeitorias para a cidade. Na segunda reunião, o encontro foi com o deputado Estadual, Chico Sardelli, pautando assuntos sobre a Guarda Municipal dos municípios. O deputado Estadual, André do Prado, também esteve presente e recebeu os pedidos da comitiva mombucana.


Presida – No último sábado, 2, a prefeita Ruth e o vereador Walter Moraes também participaram da inauguração das casas populares, em Americana. Na oportunidade, se juntaram ao presidente da República, Michel Temer, o governador Geraldo Alckmin, os deputados estaduais Cauê Macris e Chico Sardelli, os deputados federais Vanderlei Macris e Baleia Rossi, além do secretário da Habitação de SP, Rodrigo Garcia, e do Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles.


Homenagem – Os organizadores da Semana de Segurança e Saúde nas Escolas receberam Moção de Aplausos pelo relevante trabalho prestado nas escolas de Capivari. A homenagem aconteceu no Palácio 10 de Julho. Receberam o reconhecimento, o idealizador do projeto, João Flausino, que também representou a empresa Sicad/Grupo Eurocel, representantes da empresa Lolly Baby, o empresário Milton Souza, da MM Souza Turismo, responsável pelo transporte dos alunos, a diretora da Escola Municipal Laura Quagliato Pacheco, Patrícia Andréa Bastistella Silva, a diretora da Escola Estadual do Bairro Castelani, Denise Gasparotto, a diretora da Escola Estadual Padre Fabiano Moreira de Camargo, Ana Valéria Piccinin Pagotto, as alunas Luciana Witily de Moura Queirós Caetano, Jamile Dias Pereira da Silva e Tainá dos Santos Morais, da Escola Municipal Professora Laura Quagliato Pacheco, os alunos Djeison de Jesus dos Santos, Deric Venâncio de Almeida Toledo e Joana Carolina Lima, da Escola Estadual do Castelani. Os alunos Lucas Armelin, Rayana Farias e Lucas Felipe de Souza, da Escola Estadual Padre Fabiano José Moreira de Camargo receberam certificados de Congratulações pelos primeiros lugares no concurso de redação realizado entre as escolas.

Comemorando – A Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp) abriu inscrições para o vestibular de cursos gratuitos à distância. No polo de Capivari são oferecidas vagas para três cursos: pedagogia, engenharia de produção e tecnologia em gestão pública. O polo da Univesp em Capivari foi conquistado através do trabalho do vereador Mateus Scarso junto ao governo do Estado, intermediado pelo deputado estadual Carlos Cezar e apoio do prefeito Rodrigo Proença.

Cobertura – O vereador de Capivari, Denilton Rocha dos Santos, cobrou a colocação de cobertura no ponto de ônibus do bairro Morada do Sol. “Uma das formas de incentivar o uso do transporte coletivo é proporcionando um local de acesso adequado, mas o que estamos vendo nos bairros, como no Morada do Sol, é apenas a demarcação de solo ou uma placa indicativa”, explica.

Intercâmbio – Em busca de soluções conjuntas para melhorar a qualidade de vida da população, o prefeito de Capivari, Rodrigo Proença, participou nesta semana, de uma reunião em Santa Bárbara d’Oeste, com outros prefeitos da região. Boa!

Apoio – Ao lado de empresários do município, Proença também participou de um evento da Associação Paulista dos Criadores de Suínos (APCS), que teve como tema principal, a inclusão da carne suína no cardápio da merenda escolar.

‘Pito’ do prefeito – Rodrigo Proença postou uma crítica quanto a notícias falsas postadas nas redes sociais, pedindo para que as pessoas verifiquem a veracidade antes de sair por aí compartilhando informações falsas. Ele recebeu o apoio de alguns e novas críticas de outros. É prefeito, agradar a todos não é fácil, ainda mais quando se ocupa um cargo que envolve centenas de interesses.

Domingueira Sertaneja – No último domingo, 3, o ex-vereador Doca realizou mais um churrasco no quiosque do campo da Popular. Muita música sertaneja de raiz e universitária, além do tradicional forró, agitaram a moçada. No dia 23 de dezembro, Doca organiza o tradicional jogo da saia no campo do Centro Esportivo Reinaldo Fontolan, a partir das 9h30, com trofeú para o jogador mais parecido com uma mulher.

Confraternização – Uil Maia marcou presença na confraternização da turma de Muay Thai, da atleta e professora Jeniffer Ferraz.

Casas populares – Durante entrevista ao locutor Chico Rebette, da rádio RFM, o prefeito de Rafard anunciou que 50 casas populares serão entregues pela CDHU no próximo ano, já com o tratamento de esgoto. Só cinquentinha prefeito, e o restante?

Visita – Aberta a temporada de visitas de deputados, quem também esteve na cidade na última sexta-feira, 1, foi a deputada Estadual Rita Passos. Na oportunidade, ela fez a entrega de kits de atividades físicas para os jovens e adolescentes do CRAS e do Projeto Edudança.

Cobrança – Uma moradora de Rafard cobrou ações emergenciais da Prefeitura na esquina da rua dos Operários, próximo ao almoxarifado da Prefeitura. Depois do recape, a rua ficou sem sinalização e mais um acidente foi registrado no local. “Além disso, depois que a auto escola saiu da rua, os carros, motos, ônibus e caminhões têm passado por aqui em altíssima velocidade. Essa rua precisa de lombadas urgente! Segunda-feira o caminhão atropelou e matou um cachorro. Podia ser uma criança! Não espere algo sério acontecer devido à irresponsabilidade da população! A rua está um verdadeiro inferno”, alertou.

Moção – O vereador Capivariano, Flávio de Castro Carvalho, entregou a Moção de Aplausos à delegada de Polícia Civil de Capivari, Maria Luísa Dalla Bernardina Rigolin, durante homenagem na noite de segunda-feira, 4, no Palácio 10 de Julho. A delegada e sua equipe da Delegacia de Defesa da Mulher prenderam o suspeito de um crime de “estupro virtual” em setembro deste ano. O homem é acusado de crimes contra a dignidade sexual e armazenamento de imagem de uma adolescente. O trabalho da equipe contribuiu para o fortalecimento da imagem de Capivari e para a manutenção da Segurança Pública municipal. “A elucidação deste caso eleva o nome da Polícia Civil que contou ainda com apoio da Guarda Civil Municipal, aumentando assim a confiança da população capivariana no trabalho da polícia”, comenta o vereador. Também foram homenageados os policiais civis Tânia Valéria de Moraes Mano, Osmar Lima, Edson Jurandir Brandolin e Marcelo Aparecido Monaro, e as estagiárias Tiane Cristina Rosa Pavan e Jenifer Benatti.

Por hoje é só tudo isso, semana que vem, se Deus quiser, a gente volta com mais informações dos bastidores da política regional, sempre com a proteção da nossa querida Mãe, Nossa Senhora Aparecida.

Deixe uma resposta